tsevelelogo

terça-feira, 08 março 2022 18:57

N′SOPE: a dança desportiva tradicional

Dança N´sope Dança N´sope Afia Gulamo

O N′sope (salto à corda) também conhecido como Nzoope é uma dança tradicional maioritariamente presente na região norte de Moçambique, com destaque para a zona costeira da província de Nampula, concretamente nos distritos de Nacala, Angoche, Ilha de Moçambique, Moma, Mossuril, Mogincual. A mesma existe já há bastante tempo, não se conhecendo período exacto do seu surgimento, mas acredita-se que seja originária da Arábia Saudita e terá chegado a Moçambique com mercadores Árabes.

A corda e o apito são os principais instrumentos usados na execução de n′sope, que é originariamente praticada por mulheres. A dança consiste no salto à corda de várias maneiras e estilos, cantando e tocando os apitos.

As mulheres (dançarinas) vestem-se de capulanas, com colares, pulseiras e outros objectos de adorno de origem árabe, e pintam a cara com o Mussiro.. A dança é executada sobre uma esteira, onde duas mulheres seguram as cordas enquanto as outras dançam, e os homens tocam os batuques. Em certos casos participam também crianças, cujo papel é meramente tocar os apitos.

As canções entoadas durante a dança são geralmente divertidas e alegres, retratando o quotidiano da sociedade.

Em conversa com Argentina Luís Bernardo, dançarina de n′sope, esta afirmou que a dança é uma variedade de  tufo. Ela lamenta que nos últimos anos a dança tem sido menos praticada, e desde 2015 que não é realizado o Festival Tradicional do n´sope.

Escrito por Afia Gulamo para Tsevele

Anuncie