tsevelelogo

Alvo Ofumane

Alvo Ofumane

 Localizado no bairro do Triângulo, Nicandavala ou Onikanthavala em língua Emakwa, quer dizer um lugar cheio de valas e difícil de circulação, ou que requer muita energia para lá se passear. Isto deve-se à sua característica geofisica que é rochosa e sedimentar. O bairro localiza-se perto da praia, ou seja, bem perto da zona portuária da cidade baixa de Nacala-Porto.

A história da Velha Catedral, conhecida como Catedral Nossa Senhora da Conceição, confunde-se com a história da cidade de Inhambane. Ela data de há 166 anos, sendo o primeiro templo cristão construído na região de Inhambane. Segundo Frei Orlando António, padre da igreja católica há 18 anos, a Igreja Velha destaca-se em sua importância pois “foi aquela que fez nascer muitos cristãos nesta terra, antes de muitas comunidades existirem”.

sexta-feira, 21 maio 2021 11:52

Hehirize: O Amuleto protector e da sorte

Hehirize é um amuleto tradicional comum para o povo da Alta Zambézia. Serve para defesa dos perigos diversos, do mal e dos feiticeiros (exemplo do “marido da noite”). Os povos desta região acreditam que o Hehirize ajude o usuário a ter sorte, a ser visto com “bons olhos”.

 Falar dos Macondes de Cabo Delgado e os Namarrais ou anamarallo de Mossuril na Provincia de Nampula, é falar de duas nações ou etnias diferentes, ambas localizadas na zona norte de Moçambique. Diferentes, mas com uma história de resistência muito semelhante uma da outra, no que diz respeito à resistência ao colonialismo português.

Mukovela é nome de uma planta silvestre, predominantemente encontrada nas matas da região de "Tadimi", povoado de Machecane, uma região situada à beira do oceano Índico, no distrito de Vilankulo. A Mukovela, assim denominada em língua local Xitswa, ficou muito conhecida devido à utilidade que teve durante os tempos de estiagem que os povos locais viveram na década de 80, do século passado.

A província da Zambézia, mais concretamente a cidade de Quelimane e alguns distritos circunvizinhos como Inhassunge, Nicoadala, Namacurra e Maganja da Costa, é uma das maiores referências na produção de arroz. Como resultado, este constitui um dos principais alimentos para as populações locais, que também usam o arroz para produzir outros derivados.

terça-feira, 04 maio 2021 13:04

As missangas: entre a Arte e Sensualidade

A missanga, à semelhança de outras bijuterias, consideradas comuns em outras culturas africanas e/ou Moçambicanas , tem um significado especial na cultura Macua. Com alguma predominância, as mulheres macuas usam missangas tecidas em fios na cintura, como “arma” de atracção e estímulo durante o acto sexual. Algumas donzelas também usam as missangas, no dia do seu casamento, como forma de assegurar um “bom matrimônio”.

sexta-feira, 30 abril 2021 10:57

Rubane: entre o simbolismo e a espiritualidade

Rubane é um famoso incenso obtido a partir da seiva de uma árvore chamada Mussápo, muito usado na província da Zambézia, particularmente nas regiões com predominância muçulmana. Os usuários de rubane acreditam que este seja um bom purificador de ambiente e afugenta maus espíritos.

A sua simplicidade e sabor único tornam a tapioca um dos alimentos predilectos dos residentes da província de Inhambane, com particulat destaque para a cidade de Inhambane, chegando a ser a primeira opção em comparação com arroz e farinha de milho. Não é para menos pois apesar de ser um sabor aparentemente indiferente, carrega consigo uma textura que faz toda a diferença na degustação dos alimentos.

A Fortaleza de São Sebastião foi construída entre 1558-1620, portanto completa 401 anos neste 2021. Para a sua edificação transcorreram 62 anos de trabalho duro, trabalho essencialmente escravo, por via do Xibalo, ou seja, trabalho forçado. A matéria prima para a construção da fortaleza, a pedra, era extraída no bairro de Macúti. Naquela época não havia carro e nem carroça, usava-se a força do homem.

Pág. 7 de 12
Anuncie